segunda-feira, julho 28, 2008

Passear por cá: Berlengas

Passear por cá tem tantas alternativas... Pegar num grupo divertido e partir à (re)descoberta dá sempre uma óptima experiência. Para quem conhece, fica a repetição, mas há sempre algo novo para descobrir...

Um fim de semana nas Berlengas pode ser fantástico, apesar das gaivotas e da elevada probabilidade de enjoar na viagem (aqui a je ganhou, com 3 momentos de... vocês sabem...).

Há 3 hipóteses para pernoitar: pensão (mais cara, mas naquele pedaço de terra qualquer bem normal é pago a peso de ouro, em especial a água), parque de campismo e o forte. O nosso grupinho de 10 ficou no forte! Parecia aquele da caça ao tesourso (Fort Boyard). Além disso, parques de campismo há muitos e íamos lá perder o concerto dos "Zagaia" e o "restaurante" com vista sobre o mar...

Aqui ficam algumas fotos... Para começar, o "atrium" do forte.


O forte visto do final das intermináveis escadas de acesso. Se forem para lá com mochilas, vão de barco, mesmo que venham mal dispostos da outra viagem. Vão por mim!... Mas esta vista reconforta qualquer um, não é?

A tromba do elefante... Esta visão foi uma das que tivémos no passeio às grutas. 3.5 €/pessoa e lá se vai num barquito.


A costa virada para Portugal Continental tinha o pouco verde que por lá havia.


As nossas vizinhas do lado. E de cima, e do outro lado... É impossível fugir delas e não ser atingido é quase milagre. Felizmente eu e os meus haveres não foram atingidos, mas entre o grupo houve vários felizardos!


O Farol. No alto da ilha, avista-nos. Esta imagem foi tirada na nossa caminhada pelos trilhos...


Mais uma vez o nosso forte. É que era mesmo giro! Já lá dentro as condições de vida são relativamente baixas. Mas a experiência vale bem a pena!


Um dos recantos da ilha, onde aquele mar nos deixa viajar para ilhas (ainda) mais paradisíacas.


O grupo regressou são e salvo a terra. Mas com muito sono e com gémeos bem reforçados. O jantar com vista para o Continente foi óptimo. Obrigada Mr e Mrs Headache pelo assador de chouriço. O vinho comunitário estava óptimo também. As cartas da Wednesday fizeram-nos rir a jogar ao olho do cú. O pólo aquático foi "revigorante". A espera pelo barco fez-nos sentir sem abrigo, renegados a uma fila de onde não podíamos sair... Venham mais dias assim!

9 comentários:

Gi disse...

Pois eu às Berlengas nunca mais quero ir ... só voltar!
Enjoeei imenso para lá, para cá vim embalada!

Aqui está como o conceito "Há mar e mar, há ir e voltar" ... está err ... errado! :D

Tens prémio no meu blogue, no dia de ontem!

Vanita disse...

Ora aí está um passeio que, infelizmente, passo a vida a adiar. Boas fotos ;)

Tita disse...

acho que nunca fui aí, serei normal?!

Restelo disse...

Eu gostei muito de ir lá e não enjoei. Também fiz a pequena viagem de barco à volta da ilha. Gostava de lá voltar...

catarina disse...

Ehhhh, que espetaculo! Tambem quero ir!

Sadeek disse...

Berlengas?! Eu nunca lá fui e pelo que me contaram da viagem de barco...esquece, também não quero ir...

Ah mulher dum diabo.... ;)

BEIJOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

Mitsuko disse...

Grandes pessoas fazem grandes fins de semana e este foi sem dúvida um deles!
Próximo destino?
Não sei mas com certeza que será divertido ;)

Bomdiaalegria disse...

Parabens pela fotos conseguidas.
Fiquei curioso em ir às Berlengas...

CAP CRÉUS disse...

Cá em casa é já uma tradição, passar um fim de semana nas Berlengas!
Já tivemos a experiência da tenda e do forte.
A espera na fila desorganizada é uma realidade :-)
Este ano vamo-nos ficar por um dia, por razões óbvias :-)