domingo, outubro 12, 2008

Ataque ao roupeiro


Ai o que eu (não) gosto de arrumações e limpezas gerais. O alvo é o meu roupeiro. Inspirada pelo "Esquadrão da Moda" ou lá como se chama aquilo, lá fui eu... A quantidade de roupa que tenho e que não uso mas que não sou capaz de me desfazer dela é astronómica. Ainda se fosse alguma coisa de jeito, mas são anos acumulados de trapos descartáveis de quem não se aventura mais do que Zaras, Stradivarius e afins. Mas não, hoje uns bons quilos de roupa velha já não têm lugar ali dentro! 

Agora resta-me um problema. Eu acho sempre que deitar roupa para o lixo é um desperdício. Mesmo usada e velha. Alguém sabe onde posso dar roupa? Um sítio em que realmente possa servir a alguém?

Lumiar ou arredores... Lisboa, zona nova, Saldanha... Seja o que for. Agradeço mesmo! E alguém necessitado também!

9 comentários:

mimanora disse...

Sei que os Sem ABrigo recebem roupa e se quiseres até vão buscar a casa ou a outro local que combines se aquantidade for muita.

Bom começo de semana, mesmo que seja chuvoso!
anoranaterra

kitty disse...

COmunidade vida e paz. Perto da avenida do brasil. É só enviares um mail que eles dão a morada. Eu já fiz isso algumas vezes.

MiSs Detective disse...

o problema é esse mesmo. chega onde queremos? raramente!

CAP CRÉUS disse...

Se tiveres mantas podes ir entregar à União Zoófila.

Sadeek disse...

Ó amiga...é ires a uma Santa Casa qualquer que eles resolvem-te esse "problema"...ou a uma igreja... ;)

BEIJO

Kitty Fane disse...

Eu costumo deixar numas bombas de gasolina aqui perto da minha casa onde há um daqueles contentores para deixar roupa. Mas muitas vezes está dias e dias sem o descarregarem. :-S

Thunderlady disse...

Eu tb ando a fazer arrumações dessas. Tenho o hábito de me l ivrar de tudo o que não vesti duas épocas seguidas.

Costumo dar a uma amiga: a mãe dela entrega pessoalmente a quem precisa.

Não sei como funciona na igreja ao pé da tua casa, na igreja ao pé da minha o padre já me disse que não queria nda, que levasse os meus trapos e obrigada.

O Thunder falou.me de uns envelopes nos CTT (ou caixas de encomenda ou o que é) próprios para iniciativas doi género já com o destinatário e tudo. Experimenta!

Bjokas

Mary of Cold disse...

Eu dou quase sempre à Cáritas ou ao Centro Social da igreja onde me casei (a minha cunhada trabalha lá e sei que a roupa é distribuida por quem precisa).
Podes tentar ver se a Cáritas tem alguma delegação em Lisboa (deve ter, quase de certeza).

gatinha7334 disse...

olá, se ainda tiver roupa para dar eu aceito. Fico com ela. Pode mandar por correio alguma? Pago os portes. Por favor responda gatinha7334@gmail.com