quarta-feira, junho 11, 2008

As más notícias

É que quando for a final do Euro eu vou estar a essa hora entre Lisboa e Boston, no avião, sem poder ver o jogo, seja ele qual for.

A segunda má notícia é que acho mal que se tenha sabido hoje que:

10 comentários:

Ele há horas assim... disse...

Se de facto fôr verdade esta notícia, foi vergonhoso, o que os meios de comunicação social fizeram.

Eu ainda não quero acreditar que isto tem como único propósito destabilizar a selecção que tão bem tem jogado...

Já não chegava a palhaçada do Real Madrid com o Ronaldo, como agora vêm cá para fora com estas merdas...

Vergonhoso!!

(desculpa o desabafo)

Beijokas

Tita disse...

will see!

pensamentosametro disse...

Foi na realidade deplorável, tanto este incidente como o do Ronaldo. é no que dá haver tanta falta de categoria...

bjos


Tita

Sadeek disse...

Wed...a mim pouca diferença faz desde que eles continuem a dar o litro. Não a ganhar porque isso nem sempre é possivel, não jogamos sozinhos, mas desde que os veja a dar o litro como tenho visto... ;)

BEIJOOOOOOOOO

Pepper disse...

Havia de ser uma coisa gira...


Beijos

Gi disse...

São HOMENS não são?
Isto não tem oque os destabilizar ... nem nós temos que arranjar desculpas!

Mary of Cold disse...

Isto são manobras para nos destabilizar... mas não hão-de conseguir!

E nem a propósito desta notícia-bomba, o Scolari bem disse: "E o burro sou eu??" Claro que não. Com tantos milhões por ano, os burros somos nós que nos matamos a trabalhar uma vida inteira e no final continuamos com pouco ou nada.

Restelo disse...

Também se ouve bastante essa notícia (do Scolari, não de tu não veres o jogo, sorry). Até doi! No coração!! É uma traição! Como é que ele nos pode abandonar...

wednesday disse...

Que ele vá e que não seja parvo em aceitar, tudo bem, que vá, é livre. Pode aceitar as propostas milionárias que quiser. AGora que o momento foi muito mau e que vai contra o que de outras vezes defendeu, vai.

Se nos trai, talvez, mas só na questão de estarmos a meio da prova. Por mim é livre de ir quando entender. Se calhar pode fazer-nos mal, mas não podemos julgar nada nem ninguém sem vermos quem vem para substituir e que trabalho vai fazer.

nika_liu disse...

Acho que mesmo assim preferia estar num avião entre Lisboa e qualquer lado...prefiro viagens a futebol!