domingo, junho 08, 2008

Dia de nós

Depois de recuperarmos do RiR, um almoço tardio e a ida à Feira do Livro, viemos para casa, pois estava na hora do EURO! Uma paragem prévia no supermercado e meio quilo de camarão cozido, meio quilo de ameijôas, um paté, umas tostas e um belo vinho verde, fizeram-nos ter uma mesa perfeita, a dois, sem que haja uma razão em especial. Os copos cheios, o petisco e no fim, brindados com a vitória.

Um dia em que fizemos o que nos apeteceu, descansámos, relaxámos, comemos, passeámos, demos as mãos, amámo-nos com tudo e por tudo o que somos, nem que isso signifique um lavar a loiça e o outro tirar a mesa. São tão bons dias assim, que são esses que desejamos passar para o resto da nossa vida.

10 comentários:

Teresa disse...

Ámen!

Que seja sempre assim! :)

Formiguinha disse...

Para quê complicar????

É fantástico, não é?

Bêjos

Kitty Fane disse...

Uii que bom! :-D

Cenourita disse...

São dias deliciosos assim...

Beijocas***

wednesday disse...

Eu adoro dias simples, que fazemos o que nos apetece e quando nos apetece... :)

Poisoned Apple disse...

E é tão bom, tão bom, tão bom...

Eumesma disse...

Quando se agosta é assim mesmo, até o mais simples é bom...

Que tenhas sempre os dias assim, pela vossa vidita fora...:-)

CAP CRÉUS disse...

Bonito!:-)

Mary Birth disse...

Lindo!
Espero que, sempre que queiras, tenhas um dia assim.

Peace!

Um gajo qualquer... disse...

Tenho saudades desses dias...